EUA: pedidos iniciais por seguro desemprego teve queda de 5.000 e foi a 240.000

EUA: pedidos iniciais por seguro desemprego teve queda de 5.000 e foi a 240.000

JOB EUA.jpg

 As reivindicações iniciais por seguro desemprego nos EUA para a semana que terminou em 03 de agosto diminuiu de 5.000 e foi para 240.000 em relação ao nível revisto da semana anterior de 245.000, informou o Departamento do Trabalho dos EUA nesta quinta-feira. A média móvel de quatro semanas era 241.750, uma redução de 2.500 de montante revisto da semana anterior.

 A taxa de desemprego segurado para a semana que terminou em 22 de julho situou-se em 1,4%, inalterada face a taxa não revisada da semana anterior. O desemprego segurado durante a mesma semana foi 1.968.000, um aumento de 3.000 a partir do nível da semana anterior. A média móvel de quatro semanas foi 1.964.750, um aumento de 750 em relação à média revisada da semana anterior. 

usd

Semelhante

Inflação no Reino Unido fica em 3,0% em dezembro

 A taxa do índice de preços ao consumidor (CPI) do Reino Unido foi de 3,0% em dezembro em relação ao valor de novembro de 3,1%, informou o Instituto de Estatísticas Nacionais na terça-feira.

Popular

EUA: Pedidos semanais de seguro-desemprego caem 10mil

Os pedidos iniciais de seguro desemprego para a semana que terminou em 02 de junho diminuiu em 10.000 e foi para 245.000 a partir do nível revisado da semana anterior de 255.000, informou nesta quinta-feira o Departamento do Trabalho dos EUA.

EUA: estoques no atacado caem 0,5% em abril

Os estoques globais de comerciantes atacadistas nos Estados Unidos caíram 0,5% em relação ao mês anterior e totalizou US $ 591 bilhões em abril, informou o Census Bureau nesta sexta-feira.

Promoções que podem lhe interessar

Deposite com sistemas de pagamento locais

Ligue de volta

Um gerente ligará para você em breve.

Alterar número

Seu pedido foi aceito

Um gerente ligará para você em breve.

Erro interno. Por favor, tente novamente mais tarde

Você está usando uma versão antiga de seu navegador.

Atualize para a versão mais recente ou experimente outro navegador para uma experiência comercial mais segura, confortável e produtiva.

Safari Chrome Firefox Opera