Como negociar com relatórios de faturamento?

Como negociar com relatórios de faturamento?

As épocas de cálculos de faturamento oferecem oportunidades únicas aos traders. É a época quando as maiores empresas americanas publicam seus relatórios de faturamento relativos ao trimestre anterior. O preço pode disparar ou despencar dezenas de pontos após essas publicações, possibilitando lucrar em um curtíssimo intervalo de tempo.

O melhor é que os faturamentos influenciam os preços das ações e também aumentam a volatilidade dos pares de moedas. Logo, todo o mercado financeiro se movimenta, o que configura uma hora ideal para negociar.

Se interessou? Você encontrará abaixo mais informações sobre o trading com esses relatórios.

Você sabia que pode negociar as ações das maiores empresas do mundo com a FBS? Abra uma conta MT5 em sua Área Pessoal, baixe o terminal de trading e aproveite a temporada dos relatórios de faturamento nos EUA!

shutterstock_1222079767.png

Há 4 temporadas deste tipo por ano, cada uma durando várias semanas. Os faturamentos são publicados ao longo do mês imediatamente seguinte a cada trimestre (janeiro, abril, julho e outubro). São nesses meses que você deve conferir o calendário dos relatórios e saber quando negociar.

A teoria do trading com faturamentos de empresas é bem simples:

  • Se o relatório financeiro (trimestral ou anual) mostra que a empresa aumentou os lucros ou as vendas, os investidores ficam interessados na mesma, aumentando a procura por suas ações e provocando o aumento dos preços destas.
  • Se a empresa divulga que seus lucros caíram, suas ações também caem com a notícia.

Os segredos do trading com os relatórios de faturamento

Na prática, há nuances: você pode encontrar várias semelhanças entre o trading com faturamento de empresas e o trading com notícias do calendário econômico do câmbio.

Os analistas fazem suas previsões dos dados aguardados várias semanas antes do começo da temporada dos relatórios de faturamento. Geralmente, preveem-se o faturamento por ação (EPS, na sigla em inglês) e a receita. Essas informações se encontram disponíveis no site da FBS antes da divulgação dos faturamentos. Após a publicação das previsões, o preço se movimenta com base nessas estimativas e nas expectativas dos investidores. Se a previsão for otimista, o preço da ação sobe; se a previsão for pessimista, o preço cai.

Screenshot_5.png

Dica 1. Se você deseja fazer uma análise mais aprofundada do relatório da empresa cujas ações você pretende negociar, a fim de aumentar sua probabilidade de lucro, confira o site da mesma. Uma forma rápida de acesso é buscar no Google por “[nome da empresa] investor relations“, lhe permitindo obter a hora exata da divulgação do faturamento, os relatórios anteriores e o documento na íntegra (uma vez publicado).

O mais interessante começa quando o relatório de faturamento é divulgado. O elemento surpresa é muito importante: quanto maior a diferença entre o resultado e a previsão, maior a movimentação no mercado. Além disso, pode ocorrer o chamado cenário “compre o boato, venda o fato“: o preço pode cair — mesmo com números animadores — se o mercado já tiver precificado o resultado positivo e os investidores que compraram a ação antes do momento da divulgação começarem a vendê-la após este.

Facebook.png  

Segue um exemplo de como o preço se movimenta em tempos de divulgação de faturamento. As ações do Facebook despencaram em cerca de 25% no dia 25 de julho de 2018. A receita da empresa decepcionou ($13,23 bilhões vs. $13,36 bilhões, conforme consenso de estimativas da Thomson Reuters) e o número de usuários ativos globais mostrou ser menor do que o esperado (1,47 bilhão vs. 1,49 bilhão, conforme estimativas StreetAccount e FactSet). Note que a ação estava subindo constantemente antes da divulgação e acabou entrando em sobrecompra.

Traders espertos ficam atentos não somente à EPS e a receita da empresa, mas também analisam o cenário maior. Aqui estão os truques que vão lhe ajudar a ter sucesso no trading com faturamentos de empresas.

  1. Veja como a ação foi negociada nas últimas semanas. Compare as dinâmicas do preço com as previsões dos analistas no calendário dos faturamentos. Se o preço tiver subido demais, você pode se preparar para vender a ação com as notícias. Se ele tiver caído demais, pode se preparar para comprar.
  2. Confira como o mercado reagiu após as publicações anteriores. Cada ação tem suas próprias peculiaridades: você pode tirar conclusões valiosas ao estudar o histórico delas.
  3. Confira o RSI. Este indicador técnico mostra se o mercado está em sobrecompra ou sobrevenda. Se o RSI estiver alto, a ação está em sobrecompra e pode cair em qualquer caso. O contrário se aplica quando o RSI está baixo demais. Ações em sobrevenda são consideradas especialmente atraentes para compras.
  4. Leia os artigos na mídia. Se todos estiverem obcecados com uma empresa em específico, aguardando lucros tremendos, o preço da ação provavelmente está alto demais, ficando vulnerável a um sell-off. Se todos estiverem condenando uma empresa, suas ações podem ficar subvalorizadas.

Dica 2. Notícias de grandes empresas têm enorme impacto em todo o mercado de ações americano. Logo, se as ações da Microsoft ou da Amazon dispararem, o S&P 500 provavelmente subirá também. Além disso, as ações podem influenciar a taxa cambial do USD: ações em alta podem aumentar a demanda pelo dólar devido à expectativa dos investidores por aumentos de taxa pelo Federal Reserve, ou podem estimular o apetite por riscos e a demanda por moedas de maiores retornos, como o AUD e o NZD. A reação do mercado cambial dependerá dos fatores de influência mais recentes do USD.

Em suma, se as previsões de faturamento se realizarem, o preço da ação provavelmente mudará de direção em relação a suas dinâmicas nas duas semanas anteriores. Se os resultados divergirem amplamente — para mais ou para menos — do previsto, o mercado em sobrecompra/sobrevenda apresentará correção para cima se a surpresa for positiva, ou para baixo se os dados decepcionarem.

Aqui estão as datas de alguns dos relatórios mais empolgantes de 2019:

Amazon.com Inc.: 31 de jan., 27 de jul., 10 de out.

Facebook Inc.: 30 de jan., 24 de jul., 30 de out.

Alphabet Inc.: 4 de fev., 24 de jul., 26 de out.

Pfizer Inc.: 29 de jan., 30 de jul., 29 de out.

Visa Inc.: 30 de jan., 26 de jul., 31 de out.

Agora você está pronto para ganhar dinheiro com os relatórios de faturamento! Certifique-se de ter configurado o MT5 e comece a planejar suas negociações!

Semelhante

Deposite com sistemas de pagamento locais

Ligue de volta

Um gerente ligará para você em breve.

Alterar número

Seu pedido foi aceito

Um gerente ligará para você em breve.

Erro interno. Por favor, tente novamente mais tarde

Livro de Forex para Iniciantes

O livro de câmbio para iniciantes vai guiar você pelo mundo do trading.

Livro de Forex para Iniciantes

As coisas mais importantes para começar a negociar
Insira seu e-mail e nós vamos lhe mandar um guia Forex gratuito

Obrigado!

Nós enviamos um link especial para o seu e-mail.
Clique nesse link para confirmar seu endereço e receber um guia Forex para iniciantes gratuito.

Você está usando uma versão antiga de seu navegador.

Atualize para a versão mais recente ou experimente outro navegador para uma experiência comercial mais segura, confortável e produtiva.

Safari Chrome Firefox Opera