Como surfar em uma tendência?

Como surfar em uma tendência?

Quando o(a) trader novato(a) busca informações sobre como começar a negociar com lucro, ele(a) geralmente se depara com o conselho de seguir uma tendência. Se o par de moedas está subindo, é necessário comprar. Se está caindo, recomenda-se vender. De fato, esta recomendação faz muito sentido, mas, na prática, fica claro que tudo nem é tão simples assim. Para lucrar com o trading de tendências, você precisará de instruções mais detalhadas. Este artigo lhe guiará pelas estratégias de trading de tendências e lhe dará um número de medidas a tomar.

Há diferentes tendências

Antes de você começar a abrir negociações no MetaTrader, você precisa saber que há 3 tipos de tendências, em termos de tempo:

• Tendências primárias ou de longo prazo

• Tendências intermediárias ou de médio prazo

• Tendências de curto prazo

Quando traders nos perguntam “qual é a tendência no gráfico EUR/USD?“ Costumamos responder “A qual intervalo de tempo (timeframe) você se refere?“ De fato, se você consultar diferentes intervalos de tempo para o EUR/USD, os gráficos que você verá podem divergir significativamente.

Tendências de longo prazo podem durar de 8 meses a 2 anos, mostrando o quadro maior e refletindo a diferença de força econômica entre os países cujas moedas formam um par de moedas, como a zona do euro e os Estados Unidos. Tendências intermediárias duram 1-8 meses e são formadas dentro das tendências de longo prazo primárias na direção oposta. Tendências de curto prazo podem durar vários dias e até um mês — elas aparecem devido aos fluxos de capital globais causados por notícias econômicas e políticas. Tais tendências permitem aos traders lucrar por algumas horas.

É necessário lembrar que, mesmo se você negociar somente durante o dia, deve conhecer não só a tendência de curto prazo, mas também as de médio e longo prazo e desenhar suas linhas de tendência. Às vezes o preço pode encontrar a resistência ou o suporte de uma tendência maior. Se identificar todos os três tipos de tendências em seu gráfico, você terá uma visão melhor do mercado.

Estágios de uma tendência

O próximo aspecto importante é que cada tendência consiste em 4 estágios:

1. Tendência jovem

2. Tendência madura

3. Tendência envelhecida

4. Tendência em reversão

Se a tendência já é velha, não faz sentido tentar negociar na mesma. O objetivo é capturar uma tendência logo em seu começo ou durante as fases iniciais de sua maturidade. Dessa forma, você poderá ter um bom lucro negociando a tendência.

trend1.png

Então você deve buscar o estágio 2. À essa altura, poderá desenhar as linhas de tendência. Para uma tendência de alta, irá precisar de pelo menos 2 mínimas — a inicial e a mais alta. Se você tiver 3 mínimas para conectar, é melhor ainda, pois isso significa que a tendência realmente se formou. A linha de tendência será uma linha de suporte. Para uma tendência de queda, você precisará de pelo menos 2 máximas — a primeira máxima e a segunda, mais baixa. Aqui vale o mesmo: seria melhor ainda conectar 3 máximas. Nessa situação. a linha de tendência será uma linha de resistência.

trend2.png

É muito importante não se deixar levar pela preguiça e fazer um esforço para desenhar as linhas de tendência — elas representam uma ferramenta simples porém eficiente de análise de gráficos. Além de ajudar a encontrar áreas nas quais, no futuro, o preço pode rebater a partir do suporte ou resistência, elas também mostrarão o quão forte a tendência é. Siga esta observação: quanto mais íngreme a linha de tendência, maiores as chances de que ela seja rompida pelo preço. Se o preço se mover rapidamente para cima, compradores que empurrarem ele mais ainda para o alto logo ficarão sem força e o mercado irá reverter. Se você quer escolher uma boa tendência que durará por um tempo considerável, escolha aquela com linhas de tendência menos íngremes.

Também aconselhamos olhar as correções e consolidações que acontecem durante suas tendências. Como você pode ver, mesmo quando o preço apresenta tendência de movimento acima ou abaixo, ele não faz isso de forma ininterrupta. Correção é quando um par de moedas retorna na direção oposta àquela da tendência principal. Consolidação é um período de movimento horizontal do preço.

Se os períodos de movimento contra a tendência (correções) forem curtos e os alcances/ranges laterais (consolidações) forem estreitos, você encontrou uma tendência sólida e forte, e pode ter a segurança de negociá-la.

trend3.png

Indicadores técnicos

Há um grupo de indicadores no MT4 chamados de “indicadores de tendência“. Eles podem lhe ajudar a surfar em uma tendência.

A Média Móvel ajudará a identificar uma tendência de alta ou queda e agirá como suporte ou resistência. Recomendamos usar médias móveis simples com períodos de 20, 50, 100 e 200.

O ADX mostra a direção e a força de uma tendência. Leituras acima de 30 indicam uma tendência forte. Note que este indicador pode ser lento.

Os traders também podem usar osciladores (indicadores que oscilam em torno de um valor central e são mostrados em uma janela separada, abaixo do gráfico de preço). Após ter determinado a direção da tendência usando linhas de tendência ou médias móveis, confira o oscilador Estocástico/Stochastic. Em uma tendência de alta, sua rampa deve estar fortemente para cima; em uma tendência de queda, o Stochastic deve ter sua rompa fortemente para baixo. Se o preço estiver formando novas máximas em uma tendência de alta, mas não o Stochastic, isso pode sinalizar uma reversão para baixo.

trend4.png

Você pode obter dados semelhantes àqueles fornecidos pelo indicador Stochastic a partir de outro oscilador chamado de MACD. A diferença é que o MACD vem em forma de histograma (colunas abaixo do gráfico do preço). Durante uma tendência de alta, as colunas MACD devem ficar maiores; durante uma tendência de queda, elas devem cair e então entrar na área negativa.

Estratégia para trading utilizando uma tendência

A melhor forma é ir junto com o mercado. Aqui estão as medidas recomendadas:

1. Defina por quanto tempo você quer ficar na tendência, já que esta decisão influenciará os intervalos de tempo que você escolhe para negociar. Se você decidir negociar intradia (isto é, no máximo por algumas horas), determine a tendência no intervalo de tempo diário. Você também pode usar os gráficos H4 e H1 para planejar sua negociação. Não recomendamos perder tempo com intervalos de tempo menores, como M15, pois a situação lá muda rápido demais e é difícil fazer uma boa análise para uma negociação que ficará aberta por várias horas.

2. Identifique a tendência. Será uma tendência de alta ou de queda? Confira as notícias e análises econômicas, tente entender quais fatores fundamentais (econômicos) ou notícias estão por trás desta tendência. Será que o mercado está antecipando um acontecimento importante? Ou talvez algo já aconteceu e está impactando o mercado? Se o sentimento do mercado for bullish, então você pode comprar em uma tendência de alta. Se for bearish, pode vender em uma tendência de queda.

3. Desenhe linhas de tendência. Elas são íngremes ou normais? Quantas vezes o preço testou a linha de tendência? Se o preço tocou a linha de suporte pela terceira vez em uma tendência de alta e voltou para cima durante a mesma, isso é sinal de compra.

4. Confira os indicadores técnicos. Certifique-se de que eles confirmam a tendência.

5. Determine o estágio de uma tendência. Negociar logo no começo ou no fim de uma tendência é arriscado, então é melhor escolher uma tendência boa e madura.

6. Coloque uma ordem de limite próximo da linha de tendência. Em uma tendência de alta, coloque uma Buy Limit na linha de suporte. Em uma tendência de queda, coloque uma Sell Limit perto da linha de resistência.

7. Coloque uma Stop Loss protetiva no outro lado da linha de tendência. Sua Stop Loss não deve ser muito apertada, para que sua ordem não se feche só por causa da volatilidade diária. Não existe solução universal para escolher uma Stop Loss; muito dependerá do tempo durante o qual você deseja manter sua negociação (você precisa ter uma ideia de onde fechará sua negociação com lucro) e do tamanho da mesma. Geralmente, a Stop Loss é 1/3 da Take Profit potencial. Dito isso, para uma negociação intradia que dure várias horas, é melhor ter uma Stop Loss superior a 15 pips.

trend5.png

Semelhante

Deposite com sistemas de pagamento locais

Ligue de volta

Um gerente ligará para você em breve.

Alterar número

Seu pedido foi aceito

Um gerente ligará para você em breve.

Erro interno. Por favor, tente novamente mais tarde

Livro de Forex para Iniciantes

O livro de câmbio para iniciantes vai guiar você pelo mundo do trading.

Livro de Forex para Iniciantes

As coisas mais importantes para começar a negociar
Insira seu e-mail e nós vamos lhe mandar um guia Forex gratuito

Obrigado!

Nós enviamos um link especial para o seu e-mail.
Clique nesse link para confirmar seu endereço e receber um guia Forex para iniciantes gratuito.

Você está usando uma versão antiga de seu navegador.

Atualize para a versão mais recente ou experimente outro navegador para uma experiência comercial mais segura, confortável e produtiva.

Safari Chrome Firefox Opera